1 ano inteiro sem comprar roupa! Mês 6- A vontade de comprar


Eu sabia que não seria fácil, mas também tenho que contar que não esta sendo tão trágico como muitas pessoas que passaram pela mesma experiência sugeriram que seria. Passar muito tempo sem comprar roupas, sapatos ou qualquer outro vestuário não te mata, te fortalece.
Mas também tenho que contar que neste sexto mês o bichinho gastador se manisfestou em mim (Dicionário informal- bichinho gastador: subs. parasita imaginário que habita a mente das pessoas dando a elas profundos e urgentes sentimentos consumistas, muito comum no vocabulário aqui de casa). Há muitas semanas eu não frequentava shoppings center ou lojas de roupas e calçados até porque estava seguindo o aprendizado do quarto mês onde comento sobre o que você não vê você não compra, mas em Junho acho que fui umas quatro vezes ao 'templo do consumo' para ir ao cinema, para passear, comprar um livro. E nestas oportunidades, entrei em várias lojas, cheguei até a experimentar roupas de novo, e em todas as vezes, sai de lá sem comprar nada (nem o livro!).
Não que eu não tivesse vontade, ou tentasse encontrar justificativas (como fiz em março) mas justamente por ter passado pela experiência de ter comprado uma peça que parecia necessária, e usa-la apenas uma vez, reforçou em mim a determinação de seguir com o objetivo.
Até agora, o saldo esta sendo muito bom: estou aproveitando peças que antes não utilizava tanto, não gasto meu tempo com sites e outras ofertas relacionadas a consumo (parece bobeira mas somos bombardeados com propagandas para comprar, ter, usar a todo momento, e 'consumir' este tipo de informação também custa tempo) e principalmente tenho conseguindo cumprir o objetivo de economizar neste tipo de despesa e ter o prazer de ver o dinheirinho render mais na conta.
Outra coisa engraçada é perceber que a ação de não comprar tem virado um hábito: me pego diversas vezes ponderando sobre comprar ou não qualquer coisa: um objeto para casa, um livro ou revista, até mesmo a compra do supermercado, que tem ficado mais enxuta porque compro exatamente o que  esta em falta, sem fazer 'estoques' (o que nestes tempos de preços altíssimos é mais do que necessário).
Experiência até agora tem sido mais positiva que traumática (apesar do bichinho gastador ainda morar em mim).
Ah, e este lugar da foto é uma área interna (chamam de Alameda) do Parque Dom Pedro Shopping, que eu vi construir em 2002 e frequento desde sempre. Passei bons anos da universidade (que fica pertinho deste lugar) utilizando todo tipo de serviço do shopping, fiquei tão acostumada que é tipo passear na casa de alguém conhecido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

obrigada por deixar um comentário. É sempre bom ter interação por aqui ♥

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...